REPROGRAFIA – PÓLO III Comunicado NEM/AAC

A todos os estudantes de Medicina

O NEM/AAC entendeu por bem prestar este esclarecimento acerca dos atrasos verificados no que à reprografia diz respeito. Mais informamos que tal não havia sido feito anteriormente por motivos de âmbito legal, que a tal aconselhavam.

Depois das RGAs em que estivemos presentes em todos os anos, em que explicámos o projecto da reprografia – o processo na íntegra, objectivos (relação com biblioteca e sustentabilidade do NEM), passos necessários, consequências e implicações – é nosso dever explicar a situação actual.

É aceite que a reprografia que actualmente serve a maioria dos alunos não é suficiente, quer pelas dimensões físicas quer pela insuficiência de pessoal por estas impostas. É nossa opinião que após aberto o novo espaço no PoloIII estes problemas serão ultrapassados.

Porque se verifica este atraso?

Por motivos legais decorrentes de alterações recentes à lei que determina este tipo de situações. Para que todo o processo decorra em total transparência e legalidade, toda a atenção e cuidado são fundamentais. Assim, na sequência de constringências legais, fomos obrigados a rever alguns pontos que adiam até à sua conclusão a abertura do novo espaço.

Consideramos como imperativo que todos os requisitos legais sejam totalmente cumpridos e resistimos, movidos pelo espírito de responsabilidade que sempre caracterizou o NEM, a qualquer tipo de atitude que se caracterize pelo facilitismo ou pressão externa.

Aos nossos colegas pedimos desculpa pelo atraso, mas é também perante os nossos colegas que reforçamos que este é um projecto que vai ser levado avante a curto prazo, sendo a ética e correcção do NEM ratificada novamente em todo este processo, algo de que todos se podem orgulhar!

Entendemos então que, se as Comissões de Curso o decidirem, perante preços não competitivos, o material de estudo seja colocado noutros locais, reavaliando a situação aquando da abertura e instalação da reprografia no Pólo III.

Pedimos a atenção de todos os colegas, já que transmitiremos todas as informações relativas aos avanços neste processo, à medida que os mesmos surgirem.

Tendo a certeza da assertividade, sensatez e compreensão profunda de todos perante um projecto desta magnitude, aqui deixamos a nossa total disponibilidade para todas as sugestões e esclarecimento de qualquer questão.

 

                                              SAUDAÇÕES ACADÉMICAS,

                                          Inês Morgadinho Barros de Mesquita

%d bloggers like this: